Teste de } Amor


Tem medo de exprimir os seus sentimentos?

Teste Tem medo de exprimir os seus sentimentos?
 

O amor precisa de ser demonstrado e cultivado todos os dias. Esqueça o hábito, a timidez, o pudor. Descubra o prazer de dizer: "Amo-te". Não há sentimento que resista durante muito tempo à indiferença e à falta de estímulos.

  • O dia desperta e você levanta-se contrariada(o), quase sobre a hora de sair, e tem um dia difícil à frente. Durante o pequeno-almoço o seu companheiro(a) diz: "Parece que hoje está com fome!" Qual é a sua resposta?
  • Estás a aborrecer-me.
    Parece-me que perdeste o teu sentido de humor.
    Não sei por quanto tempo vou aturar isto.
    Com um estímulo desses até me sinto melhor.
  • Foi promovida(o) no seu emprego. O seu director felicita-a(o) diante dos colegas. Mais tarde, o seu companheiro(a) telefona-lhe e pergunta. "Como estás?" Como vai isso? O que é que você responde?
  • Sinto-me hoje melhor do que nos outros dias
    Podes dar-me os parabéns. Acabo de ser promovida(o).
    Creio que hoje fiz morrer de inveja minhas(meus) colegas
    Estou tão contente! Mais tarde quero comemorar contigo.
  • O seu marido (esposa) chega a casa e diz: "Tenho estado muito tenso(a) e nervoso(a) nestes últimos dias e não percebo o motivo. Sinto-me inseguro(a) e não sei o que fazer." O que diz, você?
  • Palermices, isso passa.
    Acho que deves consultar um médico.
    Posso fazer alguma coisa para te ajudar?
    Vamos conversar e tentar, os dois, resolver o que será melhor.
  • Ambos conversaram sobre coisas muito importantes. Finalmente, você conseguiu saber o que se passa na sua intimidade. Quando ele(a) pergunta: "Achas que percebeste o que está a acontecer?" O que responde?
  • Tu demoras a perceber o que se passa comigo, não é?
    Só quando eu desabafo tu consegues perceber-me.
    De certo modo, acho que me ajudaste a compreender melhor.
    Tu consegues que eu me compreenda maravilhosamente
  • Hoje acordou bem disposta(o) e com desejo de fazer alguma coisa para demonstrar ao seu "amor" como ele é importante para si: sai e compra-lhe uma prenda. Ao entregá-la ele(a) diz: "O que é que estamos a comemorar? É algum aniversário?" Qua
  • És um desmancha-prazeres
    Não sabes que há gente que dá prendas quando quer?
    Achei que merecias uma prenda especial.
    Estou a festejar como é bom estarmos juntos.
  • Você tem dificuldade em entender-se com a mãe dele(a), que pensa que não está à altura do filho(a). Houve um jantar em sua casa que fez para lhe agradar. No fim da refeição ele(a) diz: "O que é isto? Não conseguem estar de acordo sobre nenh
  • Sabes muito bem de quem é a culpa.
    Decididamente, esta relação nunca melhora.
    Por mais que faça, não consigo agradar-lhe.
    Com um pouco mais de esforço, acabarão os problemas.
  • Reflectindo sobre a relação entre ambos, você convenceu-se que ele(a) precisa de si. Mais tarde, durante um passeio, ele(a) pergunta: "Em que estás a pensar? Estás tão calada(o)." Que diz?
  • Em nada.
    Em nada de especial; assuntos meus.
    Estou a pensar na nossa relação.
    Em nós dois e em como precisamos um do outro.
  • O seu marido(esposa) vai trabalhar até mais tarde e não sabe a que horas virá jantar. À hora do costume telefona e diz: "Meu amor vou demorar mais uma hora, lamento o atraso." Então, você diz:
  • Podias ter telefonado mais cedo.
    Acho que não devias trabalhar tanto.
    Não tem importância, obrigado por teres telefonado.
    Fica tranquilo. Espero-te para jantar.
  • O seu companheiro(a) fala muito de si próprio(a): dos seus planos, das suas decisões e conflitos. Um dia pergunta-lhe: "Acha que falamos o suficiente sobre nós?" Que lhe responde?
  • Tu só pensas em ti.
    Às vezes tenho a sensação de que me excluis da tua vida.
    Talvez pucéssemos falar mais de nós do que só de ti.
    Não seria bom que falássemos mais frequentemente dos problemas comuns?
  • Normalmente quando está no meio de estranhos, sente-se tensa(o) e nervosa(o). Um dia, porém, percebe que está descontraída(o). Ele(a) nota a mudança e diz: "Estás bem disposta(o)?" A sua resposta é:
  • Por que não devia estar?
    Acho que estou a aprender a controlar-me.
    Sim, querido(a), obrigada.
    Tu das-me segurança.
  • Hoje é o aniversário do casamento e você recorda tudo o que de bom teve a vida em comum. Enquanto pensa em tudo o que ele(a) significa para si, ele(a) diz-lhe: "Hoje é um dia tranquilo e feliz." Qual é a sua resposta?
  • Eu penso o mesmo.
    Tem sido boa a vida em comum.
    Foi maravilhoso ter-te conhecido.
    Graças a ti, meu amor.
  • Ele(a) chega e traz um disco que há muito tempo você queria ter. O que lhe diz?
  • O que foi? É alguma festa?
    Podias fazer isso mais vezes.
    Obrigado, eu queria esse disco.
    Tu sabes fazer-me feliz.
  • Geralmente, você é que dá comer ao cão. Mas teve um dia duro e o seu marido(esposa) prepara a comida sem a(o) avisar. Quando você, vai buscar alimento para os cães, ele(a) diz: "Deixa, tiveste um dia cansativo e eu preparei a comida do Lul
  • Até que enfim, resolveste colaborar.
    Podias fazer-me sempre isso.
    Obrigado, hoje estava mesmo a precisar de um descanso.
    És um amor, querido(a).
  • O dinheiro está a faltar. Ele(a) estava a dactilografar um trabalho para fazer algum extra, quando a máquina avariou. Depois de horas a arranjá-la, rendeu-se: "Fiz o melhor que podia, mas agora só funcionam as maiúsculas." Que diz, você,
  • Podias ter mais cuidado.
    Isto sucedeu no pior momento.
    Como fazes agora para acabar esse trabalho?
    Não te preocupes, amanhã vê-se o que se pode fazer.
  • O seu "querido(a)" que joga pingue pongue, desde há pouco tempo, ganha um torneio num clube. Uma semana antes você tinha batido o mesmo adversário. Quando ele(a) vem mostrar o seu troféu, grita: "Ganhei!". Você diz-lhe:
  • Para quê tanto barulho? Eu consegui a mesma coisa.
    Agora tens de preparar-te para adversários mais difíceis.
    Parabéns! Mereceste!
    Que maravilha! Tão pouco treino e ganhaste uma taça!

Enviar Teste Para Amiga(o)

* campos obrigatórios